Últimas atualizações
Novo endereço do Cognosco: http://www.cognoscomm.com
Diário das pequenas descobertas da vida.
Domingo, 19 de Junho de 2005
Deliquiis Lunae
Eclipse solarUm eclipse solar ocorre quando a órbita da Lua a coloca entre a Terra e o Sol. Não é um fenómeno comum e por isso é sempre extraordinário assistir a um.

~ Como é que a Lua esconde tão completamente o Sol? Não são de mesmo tamanho...


A Sol é aproximadamente 400 vezes maior do que a Lua.
A razão pela qual a Lua consegue esconder tão completamente o Sol durante um eclipse é porque a Lua está 400 vezes mais próxima da Terra do que o Sol.

O Sol e a Lua aparentam ter o mesmo tamanho quando vistos da Terra.

No entanto a óbita da Lua não é perfeitamente circular. Se fosse a sua distância à Terra era sempre a mesma.
Quando a Lua está no seu Perigeu (o ponto mais próximo da Terra) está a 363,3Km.
Quando está no seu Apogeu (o ponto mais próximo da Terra) está a 405,5 km.
A distância média da Lua à Terra é 384,4 km.
A diferença entre o Perigeu e o Apogeu é de 11 %, coisa aparentemente pouca.

Lua no Perigeu - eclipse solar totalNo entanto somente quando a Lua está no Perigeu é que consegue esconder completamente o Sol. Quando ocorre nessa altura o eclipse a Lua esconde completamente a fotosfera do Sol e apenas a coroa solar (a atmosfera incandescente) é visível. Forma-se um eclipse solar total.

Lua no Apogeu - eclipse solar anelarQuando a Lua está no Apogeu a sua distância à Terra é 11% inferior pelo que a desproporção de tamanhos não é completamente equilibrada pela distância. Nessa altura forma-se um eclipse solar anelar.

A Lua está geralmente numa distância intermédia entre o Apogeu e o Perigeu.
Os eclipses solares não costumam ser totais mas a diferença não é suficientemente significativa para ser perceptível. Assim a maioria dos eclipses solares parece total mesmo quando não o é verdadeiramente.

Mas não deixa de ser um espectáculo portentoso assistir a este bailado cósmico em que os dançarinos nunca se tocam e no entanto nunca se afastam para sempre...

Mais uma das coincidências relacionadas com o nosso satélite natural e que determinam alguns aspectos marcantes da nossa percepção da Lua.
(Ver o artigo Et autem convertet sobre a coincidência que permite a existência de um lado oculto da Lua)

Eclipses da Lua


Publicado por Mauro Maia às 13:08
Atalho para o Artigo | Cogitar | Adicionar aos favoritos

1 comentário:
De pauxana a 19 de Junho de 2005 às 20:51
A quantidade de esclarecimentos aqui prestada é realmente notória. Acho que deverias equacionar a hipótese de encontrar um meio de gerir esta informação de outra forma e prestar um serviço ainda mais eficaz.


Comentar artigo

Cognosco ergo sum

Conheço logo sou

Estatísticas

Nº de dias:
Artigos: 336
Comentários: 2358
Comentários/artigo: 7,02

Visitas:
(desde 26 de Abril de 2005)
no Cognosco
 
Cogitações recentes
Obrigado, João, pela contribuição. Não está no art...
Estive lendo sua cogitação à respeito do cálculo d...
Obrigado, Aleff, pelo apreço pelo artigo. Exatamen...
achei muito interessante essa sua forma de ver a l...
Obrigado, Desejo um bom 2014 também.
Artigos mais cogitados
282 comentários
74 comentários
66 comentários
62 comentários
44 comentários
Artigos

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Julho 2016

Março 2015

Dezembro 2014

Outubro 2013

Maio 2013

Fevereiro 2013

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Janeiro 2012

Setembro 2011

Abril 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Maio 2010

Janeiro 2010

Agosto 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005