Últimas atualizações
Novo endereço do Cognosco: http://www.cognoscomm.com
Diário das pequenas descobertas da vida.
Segunda-feira, 6 de Junho de 2005
Pejum dixit
O Inimigo Público número 1 Eis o Inimigo Público número um das sociedades ocidentais.
Tem um aspecto bastante inofensivo e no entanto pronunciar o seu nome acarreta pânico generalizado e fugas em massa. Uqal Bin Laden orgânico vastas quantidades de dinheiro, tempo, paciência e recursos são empregues para o combater e no entanto, quando moderado, a sua existência é de extrema importância (ao contrário do saudita referido).</br></br>

Falo do colesterol.</br></br>

Mas uma das piores epidemias a que se assiste em relação a esta substância (os recentes produto que reduzem o colesterol são potencialmente perigosos porque de facto funcionam. Se forem tomados para prevenir e não para reduzir põem em risco a saúde de quem os toma. Devem só ser tomados em caso de excesso de colesterol e parar assim que se alcançou o nível desejado) relaciona-se mais com o seu nome do que com as suas consequências (positivas e negativas) para o organismo.</br></br>

Prestando um pouco de atenção facilmente se constata que poucas pessoas lêem «cu+les+te+ról» (como acaba em L é uma palavra aguda por não ter acentos).</br></br>

A maioria (e incluem-se tristemente neste grupo muitos médicos) lê «+les+trol» como se fosse uma palavra esdrúxula.</br></br>

~Primeiro: não tem acento na sílaba «co» (necessário para que uma palavra «colestrol» fosse esdrúxula);</br>
~ Segundo: é um palavra com 4 sílabas (pelo que nunca poderia ser acentuada na primeira), não tem acento (pelo que nunca podia ser acentuada na segunda) e acaba em L (e sem o acento, pelo que nunca podia ser acentuada na terceira);
~ Terceiro: lê-se uma palavra com 4 sílabas como se só tivesse 3. O que se faz à outra, come-se?</br></br>

A pronúncia correcta é: «cu+les+te+ról» e não «+les+trol</u>».</br></br>

A próxima vez que uma conversa gire para os lados do colesterol (o que hoje em dia é cada vez mais frequente) usem a pronúncia correcta e comparem com a incorrecta cólestrol. Fica perfeitamente claro qual a que soa melhor. Aliás, qualquer conversa sobre este assunto ganha uma nova camada de importância e significado quando se pronuncia (mas não demasiado vagarosamente) «Estou com o «cu+les+te+rol» muito elevado!».</br></br>

Recentes pesquisas parecem apontar para que quem come a sílaba do colesterol incorre no sério perigo de entupir as sua artérias cerebrais e tornar mais pesado e lento o seu raciocínio</br></br>

no título «Mal dito»


Publicado por Mauro Maia às 23:01
Atalho para o Artigo | Cogitar | Adicionar aos favoritos

2 comentários:
De Rui a 7 de Junho de 2005 às 11:02
Diz-me que não foste cair num cliché tão grande quanto "o inimigo público número um"... A juntar a ESTE inimigo público número um, temos então o inimigo público número um do desemprego, o da obesidade, o da droga - enfim, múltiplas dimensões do inimigo público número um. Hey, isso só prova então que a anterior teoria das dez dimensões está correcta. :D


De Mauro a 7 de Junho de 2005 às 12:27
Claro que é uma classificação humorística. Há vários inimigos púbçicos número 1 (até aou o exemplo do Bin Laden). A maioria das pessoas é que parece andar preocupada com a linha agora que se aproxima o Verão e como tal o colesterol anda de mãos dadas com a obesidade. A questão é que poucos o pronunciam bem.


Comentar artigo

Cognosco ergo sum

Conheço logo sou

Estatísticas

Nº de dias:
Artigos: 336
Comentários: 2358
Comentários/artigo: 7,02

Visitas:
(desde 26 de Abril de 2005)
no Cognosco
 
Cogitações recentes
Obrigado, João, pela contribuição. Não está no art...
Estive lendo sua cogitação à respeito do cálculo d...
Obrigado, Aleff, pelo apreço pelo artigo. Exatamen...
achei muito interessante essa sua forma de ver a l...
Obrigado, Desejo um bom 2014 também.
Artigos mais cogitados
282 comentários
74 comentários
66 comentários
62 comentários
44 comentários
Artigos

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Julho 2016

Março 2015

Dezembro 2014

Outubro 2013

Maio 2013

Fevereiro 2013

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Janeiro 2012

Setembro 2011

Abril 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Maio 2010

Janeiro 2010

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005