Últimas atualizações
Novo endereço do Cognosco: http://www.cognoscomm.com
Diário das pequenas descobertas da vida.
Quarta-feira, 4 de Maio de 2005
Parténon
Selo grego Atenas
Recebi hoje um postal da Grécia, datado de 14 de Abril. Aparentemente os Correios gregos são tão eficientes como os nossos...
Não é sempre que se recebe um postal de lá. Na verdade foi o primeiro que recebi do berço da civilização (ocidental). Respeitando o que penso existir desejo de não-exposição virtual não divulgarei a fonte. É um bloquito difícil de o fazer, mas tentarei...

Sobre o postal em si posso salientar algo que julgo importante.
Claro que é sempre bom que se lembrem de nós quando andam por outras paragens. Obrigado e foi com prazer que acordei hoje com o postal.

O postal continha a frase final, referindo-se à imagem do Parténon que continha:
Bem mais impressionante no postal do que ao vivo.

É verdade que este monumento ao espírito humano não se encontra nas melhores condições. Geralmente o pensamento sobre este assunto de quem o visita é "foi o tempo, desgastou-o.". Mas isso não é verdade.
Parténon em Atenas

.:. Até 1687, mais de 2000 anos após ser construído (entre 447 AC e 438 AC), permaneceu em excelentes condições de preservação. Os Gregos antigos sabiam construir muito bem e todo o Parténon (situado na Acrópole ateniense, a cidade alta) está pejado de rigor matemático e técnicas extraordinárias.
Porque ficou assim em apenas 418 anos é uma trágica história.

~ O Parténon foi construído no Reinado de Péricles como templo à Deusa da Cidade, Atena, em apenas 15 anos, usando técnicas impressionantes para a altura e algumas delas ainda hoje desconhecidas.
~ Em 450 DC o Parténon foi transformado numa Igreja cristã dedicada à Virgem Maria.
~ Quando os Turcos conquistaram a cidade em 1458, tornou-se uma Mesquita.
~ Em 1674 um jovem pintor francês, Jacques Carrey, desenhou as estátuas e os frizos do Parthénon, pelo que sabemos que na altura tudo estava intacto;
~ Em 1687 o General Venesiano Francesco Morosini cercou a Acrópole. (Na altura Veneza estava em Guerra com a Turquia.) Ele bombardeou a Acrópole, mesmo sabendo que os Turcos tinham armazenado grandes quantidades de pólvora no interior do Parténon. Um dos bombardeamentos atingiu mesmo o centro do templo e a pólvora explodiu. Que tenha sobrevivido à explosão só serve para mostrar como era um sólido edifício. Quantos edifícios hoje em dia sobreviveriam a uma explosão dessas?
~ em 1801 o Embaixador Inglês Elgin no Império Otomano (o Império turco) obteve permissão do Sultão para arrancar e levar as estátuas e os frizos do templo para o Museu Britânico, onde ainda permanecem.
Frizo do Parténon de Atenas

Tendo em conta a explosão que não o conseguiu destruir e a pilhagem que não lhe roubou o espírito facilmente se percebe que
o Parténon, longe de ser vítima do tempo, é um seu conquistador!

Também curioso é a origem do nome deste momumento. O Paténonon foi um templo dedicado à deusa protectoras da cidade de Atenas, a Deusa dos Heróis e da Coragem Empreendedora Atena. Ora, a mitologia grega não refere nenhum envolvimento romântico, algum namorado ou marido da Deusa. Como tal, era também chamada de «Atena Virgem» o que em grego é «Athena Parthenos». De «parthenos» vem o nome «Parténon».


Publicado por Mauro Maia às 16:31
Atalho para o Artigo | Cogitar | Adicionar aos favoritos

7 comentários:
De pauxana a 5 de Maio de 2005 às 18:05
Bem, pelos vistos nós e os gregos temos realmente muitos pontos em comum, pelo menos ao nível dos serviços públicos...


De Rata Zinger a 5 de Maio de 2005 às 18:10
Tenho uma prima que neste momento anda numa de Erasmus e pela janela do apartamento, o que é que ela vê? Sim, o Parténon! Está em Arqueologia e se lhe apresentarmos uma miniatura a representar a Vénus de Milo e lhe perguntarmos do que se trata, a resposta dela é: "Sei lá!". Em Arqueologia... e não sabe o que é a Vénus de Milo... Ai, ai, o estado da nação!


De Rata Zinger a 5 de Maio de 2005 às 18:12
Se não é indiscrição, esse postal recebido da Grécia não será de uma Sofia ou de uma Susana?


De Mauro a 5 de Maio de 2005 às 19:08
Não é indescrição... Por acaso o nome não termina em "a", termina em"i". Mas porquê Sofia ou Susana?! Conheço(ci) algumas mas não sei se alguma anda pelo berço da C.O...


De Rata Zinger a 5 de Maio de 2005 às 19:49
É que andam as duas perto do Parténon. Uma é prima minha. Não é rata, é pêga a ir para a coruja nojenta. Tu agora meteste-me confusão, mas escreve-se "indiscrição" como escrevi e não "indescrição". Ora vê lá.


De Mauro a 5 de Maio de 2005 às 20:26
Sim, tens razão, descrição é descrever. Agradeço a chamada de atenção. Será que está para nascer uma nova Némesis ortográfica? Espero que não...
Recebi o postal mas não foi de Sofia nem de Susana...


De tron a 6 de Maio de 2005 às 00:19
Anitgamente havim melhores consturtores do que a porcaria que nadam por ai a vegetar


Comentar artigo

Cognosco ergo sum

Conheço logo sou

Estatísticas

Nº de dias:
Artigos: 336
Comentários: 2358
Comentários/artigo: 7,02

Visitas:
(desde 26 de Abril de 2005)
no Cognosco
 
Cogitações recentes
Obrigado, João, pela contribuição. Não está no art...
Estive lendo sua cogitação à respeito do cálculo d...
Obrigado, Aleff, pelo apreço pelo artigo. Exatamen...
achei muito interessante essa sua forma de ver a l...
Obrigado, Desejo um bom 2014 também.
Artigos mais cogitados
282 comentários
74 comentários
66 comentários
62 comentários
44 comentários
Artigos

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Julho 2016

Março 2015

Dezembro 2014

Outubro 2013

Maio 2013

Fevereiro 2013

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Janeiro 2012

Setembro 2011

Abril 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Maio 2010

Janeiro 2010

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005